Policiais periciam carro que foi achado queimado em área de buscas por Lázaro Barbosa

Veículo está às margens de uma estrada de chão que dá acesso à Gruta dos Ecos. Força-tarefa para prender o suspeito está no 14º dia e conta com 270 agentes.

A Polícia Técnico-Científica realizou na tarde desta terça-feira (22) uma perícia no carro queimado que foi encontrado às margens de uma estrada de chão que dá acesso à Gruta dos Ecos, região onde acontece buscas por Lázaro Barbosa, suspeito de matar uma família em Ceilândia, no DF.

Às 14h13, a equipe foi em direção ao local onde o veículo foi encontrado, que fica a uma distância de cerca de 5,2 km da base. O delegado Rilmo Braga, da Gerência de Planejamento Operacional, acompanhou os trabalhos até as 15h15, quando a perícia terminou.

G1 questionou o delegado se há uma suspeita de que o carro tenha relação com Lázaro, mas o investigador disse que não pode falar sobre o assunto.

  • VÍDEOS: os relatos, os momentos de tensão e as últimas notícias da fuga de Lázaro
  • Os peritos começaram a vasculhar o mato, na parte que não foi queimado. Os profissionais se dividiram: dois ficaram no carro e os outros foram para o local. Uma perita ficou às margens da estrada vicinal para fazer a segurança dos demais agentes.

    Ao longo dos trabalhos, os peritos fizeram fotografias do carro e do ambiente, e usaram luvas para tocar no veículo, que estava com o capô arrancado.

    Os policiais contaram que entraram em contato com chacareiros da região, mas que até as 13h19 não haviam recebido informações de furtos na região. O carro, um Corsa Classic, ficou totalmente destruído pelas chamas.

    O veículo, que foi periciado pela Polícia Técnico-Científica a fim de descobrir se ele foi usado por Lázaro Barbosa, será guinchado nesta terça-feira e levado para a Delegacia Regional de Águas Lindas. Até as 14h50, ainda havia pequenos focos de fumaça no local.

    LEIA TAMBÉM


Por Guilherme Rodrigues e Danielle Oliveira, G1 GO



Categoria:Diario De Mandaguari