Parcerias entre Prefeitura e UEM vão impulsionar o desenvolvimento sustentável de Mandaguari

Depois de uma reunião realizada no início de janeiro na reitoria da instituição de ensino superior, que estabeleceu a parceria entre o município de Mandaguari e a Universidade Estadual de Maringá (UEM), a prefeita Enfª Ivonéia Furtado, recebeu na manhã desta segunda-feira (22) em seu gabinete, o reitor da universidade, Júlio Damasceno, do chefe de gabinete, Alessandro Santos da Rocha, num encontro que contou com as presenças de secretários municipais e assessores.

As parcerias que começam a ser implantadas irão beneficiar vários setores da vida mandaguariense, desde a agricultura, passando pela educação e outros setores, com o objetivo principal de levar mais qualidade de vida e desenvolvimento sustentabilidade para a população.

Na pauta da reunião, que foi seguida de um tour por locais estratégicos para esta parceria estavam: a implantação de uma horta comunitária; revisão do Plano Diretor; curso e atendimentos para as mulheres; educação financeira; agricultura legal; Unidade Mista de Desenvolvimento Territorial (UMDT); Revitalização do Parque da Pedreira; programa de castração parta o Centro de Bem estar Animal; Cozinha escola; atenção especial às praças, entre outros assuntos.

Conforme foi discutido durante a reunião em Maringá no final de janeiro, a revisão do Plano Diretor por engenheiros civis e arquitetos da Universidade será uma das prioridades desta parceria. A prefeita Ivonéia voltou a expressou o desejo de fomentar e fortalecer a agricultura familiar e o turismo rural, além de estabelecer planejamento e estratégias para elevar as potencialidades das empresas de Mandaguari; a melhoria da mobilidade com o planejamento urbano (incluindo construção de ciclovias); e o projeto Recicla 100%, visando tornar a cidade 100% sustentável.

O reitor da UEM também reafirmou que “a universidade tem feito uma ação bastante intensa com representatividades regionais desenvolvendo projetos e ações mais pontuais com os municípios, abrindo um campo muito grande de possibilidades na saúde, educação, meio ambiente, tecnologia, planejamento e gestão”.

Ainda de acordo com o reitor, essa parceria estabelecida com o município de Mandaguari vai de encontro com os projetos que a Universidade já desenvolve na região. Um exemplo são os trabalhos desenvolvidos junto à Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense (Amusep).

UMDT

         Elaborar um amplo levantamento sobre as oportunidades existentes em Mandaguari é o foco da UMDT. Este verdadeiro Raio-X de oportunidades vai conter informações sobre parques industriais existentes; leis de incentivos fiscais em vigor; espaços físicos disponíveis, para implantação de empresas; perfil da mão de obra qualificada; fornecimento de energia elétrica; rede de água e esgoto, entre outras. Com o material em mãos, a universidade vai repassá-lo para agências de atração de investimentos, dos governos estadual e federal, além de outros organismos nacionais e até internacionais.

A UMDT é uma parceria da Amusep, UEM, Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR) e Escritório Regional da Secretária de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab).

PRESENÇAS

         Participaram da reunião os secretários municipais Yohann Paulo Andrade Furtado (Agricultura), Francisco De Biázio (de Governo), Murilo Meleiro (Assistência Social), Gil Tavares (Cultura, Esporte e Lazer), Ana Carolina Carnelossi (Saúde), Eduardo Elias Rifan (Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Turismo), Liondas Leigo de Oliveira (Urbanismo, Obras e Serviços Públicos), Nelson Farias (Planejamento, Finanças e Gestão), Selma Bertolini (Educação), Eliete Souza da Silva Ferreira (Procuradora Jurídica) e a arquiteta da prefeitura, Patrícia Salvador.

Categoria:Diario De Mandaguari